Comércio Digital

Deu certo! Na Semana do Brasil, e-commerce faturou 30% a mais que em 2018

A Semana do Brasil, conhecida como “Black Friday” brasileira, mostrou bons resultados no varejo digital. Um levantamento realizado pelo Compre & Confie, empresa focada em e-commerce, mostrou que o faturamento do varejo na data foi 30,3% maior do que o mesmo período de 2018. Por sua vez, a cifra é de R$ 2,2 bilhões.

Sem dúvida, o aumento vem puxado, principalmente, pela maior quantidade de pedidos realizados no período. Foram 5,4 milhões de compras realizadas entre os dias 06 e 15 de setembro (incremento de 33% em relação ao mesmo período do ano passado).

Categorias

De acordo com o levantamento, o “Top 5” das  categorias mais vendidas durante o período está estruturado, por ordem de classificação, da seguinte forma: Telefonia (cujo tíquete médio foi de R$ 974,70), Eletrodomésticos e Ventilação (R$ 889,90), Entretenimento (R$ 393,00), Moda e Acessórios (R$ 211,50) e Informática e Câmeras (R$ 825,80).

O perfil do consumidor

Os homens são os responsáveis pelas compras de maior tíquete médio. De acordo com o levantamento, 54,2% do faturamento da data está relacionado às compras feitas pelo público masculino, que têm tíquete médio de R$ 457,70 (enquanto as mulheres gastam, em média, R$ 356,30).

As mulheres, por outro lado, trazem a maior quantidade de pedidos realizados: 52,1% das compras realizadas são feitas por elas, enquanto os homens são responsáveis pelos demais 47,9%.

 

Leia também: 4 provas de que todo negócio pode ter sucesso pela Internet

 

Leia também: 5 dicas para proteger seu e-commerce de fraudes

 

Fonte: Primeira Página

Redes Sociais